Governo não vê irregularidade na Codevasf

A Casa Civil da Presidência da República informou, em nota, que não há irregularidade no fato de Clementino Coelho, irmão do ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra Coelho, ocupar interinamente a presidência da Codevasf (Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba). A estatal é vinculada ao ministério.

“De acordo com o estatuto da empresa e orientação da Controladoria-Geral da União, Clementino Coelho exerce provisoriamente o cargo de presidente por ser o membro mais antigo da diretoria da Codevasf”, diz a nota divulgada na noite desta sexta-feira pela Casa Civil, comandada pela ministra Gleisi Hoffman.

Notícias divulgadas pela imprensa apontam que o ministro estaria usando órgãos da pasta para beneficiar parentes e cidades de sua base eleitoral.

Por indicação do ministro Fernando Bezerra Coelho, Guilherme Almeida, atual diretor de Revitalização de Bacias Hidrográficas da Codevasf, será nomeado presidente da companhia nos próximos dias. De acordo com a Casa Civil, a indicação do nome de Almeida foi feita há cerca de 50 dias e as consultas exigidas pela lei já foram concluídas.

Anúncios

Um comentário em “Governo não vê irregularidade na Codevasf

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s